OS TIPOS DE PASSEIO E VIAGEM QUE UM GUIA VAI VER DURANTE SUA CARREIRA.

O transfer: O traslado é o deslocamento de turista do terminal de chegada seja ele: aéreo, marítimo ou terrestre ao meio de hospedagem ou vice-versa.

O transfer in: é a atividade de recepção aos turistas que desembarca.

Faz o percurso ao meio de hospedagem. No trajeto dá

informações gerais, como:  clima, população, tamanho territorial, perfil da

sociedade, entretenimento, localização e os principais pontos da cidade a serem visitados. Quando dito os pontos da cidade assegure-se de que o guia condutor esteja de acordo e principalmente, com os valores. Nunca se sabe o que foi cobrado anteriormente. Converse com o guia do grupo primeiro SEMPRE!  

O transfer out:  saída da hospedagem e o deslocamento a via de saída do pax. Não se esqueça de agradecer por terem vindo a sua região, e se disponibilize para uma visita futura. Em seguida passe as informações sobre o embarque, guichês, horários, toaletes, sala de embarque e confira se as bagagens estão todas ali, mesmo que outra vez, bagagem se ficar para trás fica mesmo para trás e imagina a dor de cabeça em ter que enviar para outra região ou país. Fora o custo.  

City tour: é um passeio que irá a cada ponto de um local, pontos turísticos que dão identidade à cidade visitada. O city tour pode ser panorâmico ou

baseado (com descida, in loco), como os famosos HOP ON HOP OFF pela Europa.

A duração vai de acordo com a agencia de receptivo, público e necessidades, produto que está sendo vendido etc.

By night: é uma atividade de entretenimento realizada a noite, seja um show, um city tour, um

jantar, um cinema, uma visita a museus, a um centro temático, a uma praça, a festas.

Viagem sem pernoite: é uma viagem não prolongada, com ou sem paradas técnicas. Deve-se buscar sempre um local que sirva como ponto de apoio para que o turista possa encontrar o guia sempre que necessário.

Este ponto de apoio deve ser do conhecimento de todos os turistas, pode ser um restaurante, um saguão de hotel, ou dê preferência a lugares mais altos ou que tenham uma torre ou prédio como referência.

Lembre-se que um ponto mais alto destoa da multidão.  

Viagem com pernoite: pode ter ou não um percurso longo, depende do tempo que irá ser destinado à excursão. Em viagem deve-se trabalhar o sentimento de solidariedade, cooperação, participação, entretenimento, valorização do lugar visitado, respeito às diferenças e a alegria.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: