Chile como destino de aventura

Antes de viajar a gente sempre pondera o que fazer, o que ver, o que comer, o que visitar, e nesse caso o Chile entrega várias opções. O mais interessante de todas essas questões é que o país tem se provado como destino certo para quem é aventureiro, ou claro, para quem gosta desse tipo de turismo mesmo não sendo tanto da aventura assim.

Começaremos por Santiago, capital, mas existem opções que contemplem mais a natureza como o Atacama, Patagônia, Valle Nevado, entre vulcões e gêiseres que ajudam a completar o cenário. Ah e claro, o mar do pacifico que oferece a opção do surf para quem curte pegar ondas e água gelada.

(Farellones – Santiago – Chile)

Vou ser honesto, como de costume, e dizer que não gosto da maneira que alguns destinos são vendidos aqui no Brasil. Vou tentar me explicar! Falta aproximação entre você que viaja e aquilo que é mostrado.

Quando digo que o Chile é um destino aventura, não quer dizer que você que não goste, não possa fazer uma viagem bacana para um lugar assim. O país está superpreparado quando se trata de turismo e atende muito bem quem goste, quem não goste, quem não tenha problemas físicos e quem tenha algum tipo de impedimento.

Esse estilo de venda de pacote frio não ajuda quando precisamos tomar uma decisão. Agora acho que me expliquei melhor. Quando chega a uma agencia de viagens, ou decide comprar online as informações extras, geralmente, são bem escassas e cabe a nós viajantes que temos informações a passar para servir de complemento em suas buscas e dúvidas.

(Valle nevado – Chile – turista de cara na neve rsrs)

Vamos começar pelo básico então! Vamos a Santiago!

Quando começamos a ler um pouco mais sobre esses lugares aqui da América do Sul vemos que a cordilheira dos andes segue por todo o continente, e o mais incrível da capital é que está bem ali para quem quiser ver!

PASSEIOS PRÓXIMOS

Antes de passar as dicas da cidade e o que fazer em Santiago, vamos dizer que há a opção de fazer passeios por lugares próximos, são eles:

Cajón del Maipo, Valparaíso, valle nevado!

VALPARAISO E VIÑA DEL MAR

De Santiago a Valparaíso e Viña del Mar é de aproximadamente 1h e meia cada, e de uma cidade a outra não passa de 20 minutos. Logo esse destino passa a ser quase obrigatório e vale mesmo a pena.

Em todos os nossos posts falamos da facilidade de tomar um passeio e fazer o roteiro de forma mais confiável e seguro possível, então quando estiver no hotel pergunte sobre as opções e siga nesse ritmo mesmo que seja buscando mais turistas ao longo do dia. O que não deixa de ser uma opção para conhecer a cidade, não é?

Chegando a Valparaíso fica evidente que a cidade tem um histórico cultural voltado para seu porto que foi porta de entrada para Santiago por muito tempo. Acredite sim, ou não, o porto daqui ainda é o mais importante do país! Mesmo que a cidade não tenha muito a oferecer, sua importância histórico econômica ainda é muito importante.

Já falamos da importância da UNESCO? Já e muitas vezes e a cidade atingiu a importância necessária para ser Patrimônio da Humanidade da Unesco! Com dezenas de morros circundando a cidade, com várias casinhas coloridas e inúmeros funiculares a cidade foi se mantendo em importância e beleza. Quando chegar a cidade procure pelo Cerro Alegre, e nos conte depois como foi essa parte do passeio!

VIÑA DEL MAR

Vamos do 8 ao 80 dessa vez e saímos de uma cidade antiga e conservada para outra moderna e geograficamente diferente, uma vez que os morros somem e as planícies aparecem próximas ao mar.

(Viña del Mar – Chile)

Como aqui caminhar parece uma melhor opção, então não deixe de visitar as seguintes atrações: CASSINO MUNICIPAL DE VIÑA DEL MAR, CASTILLO WULFF e CASTILLO DEL MAR.

OBSERVAÇÃO

Vale lembrar que são cidades muito próximas e fazer as duas no mesmo dia é super válido. Não há a necessidade de fazer uma por vez.

VOLTANDO A SANTIAGO

Vamos agora aos pontos de destaque da cidade, e são vários. Já falamos sobre as cordilheiras? Já né? Então vamos as dicas de Santiago.

(Um pouco de Santiago para aguçar a curiosidade)

Vamos lá a cidade tem aproximadamente 7 milhoes de habitantes, e como sempre observamos vale a pena ver como o local se comporta. A cidade é muito arborizada o que levanta a ideia de poder caminhar pela capital, o sistema de metrô é muito eficiente e logo o ir e vir se torna mais fácil, e a mescla perfeita dos polos gastronômicos, boêmios e histórico é ideal para quem quiser curtir tudo de Santiago.

VAMOS AOS PONTOS

PALÁCIO DE LA MONEDA

Quem nunca? Tá aí uma pergunta que fazemos com frequência, e quem nunca parou para ver a troca de guarda? É um lugar para muitas fotos inclusive pelo fato de um dos personagens mais importantes da historia chilena ter dados seus primeiros passos por aqui. Já ouviu falar em Pinochet? Pois é, foi aqui que o governante tomou posse em meados da década de 1970!

(Palacio de la moneda – Pinochet – Santiago – Chile)

MERCADO CENTRAL

No começo do post falamos sobre como os locais se comportam e mais uma vez vamos de metrô. Se informe direitinho como se faz para chegar à estação Puente Cal y Canto. Um dos passeios mais legais em qualquer parte do mundo é o mercadão e aqui não é diferente. Claro que por aqui voce encontrará de tudo um pouco, como restaurantes, artesanato, temperos de todos os gostos e uma tradição!

(Mercado Central – Santiago – Chile)

Aqui se come um caranguejo enorme chamado Cenolla! Apesar da distância do porto (de Valparaíso), os frutos do mar por aqui são muito comercializados e como o caranguejo, fazem parte do cotidiano.

Quando que voce iria pensar que numa cidade sem mar, o produto mais conhecido seria um caranguejo?

(Um pouquinho do mercadão – Santiago)

CERRO SAN CRISTOBAL

Sem dúvida a vista mais bonita da cidade, e conta com um passeio super bacana de bondinho! E que tal se disser aos teus filhotes que a subida pode ser feita por um funicular? Se nós que somos adultos gostamos desse tipo de passeio os pequeninos então adoram!

Então suba de funicular, faça aquela foto para guardar para a vida e ao final tome o teleférico do parque metropolitano, e uma dica legal é que ambos funcionam praticamente todos os dias, com exceção do teleférico que não funciona as segundas feiras.

(Cerro Sán Cristóbal – Santiago – Chile)

PASSEIOS PRÓXIMOS

CAJON DEL MAIPO

Localizado a menos de 60 quilômetros de Santiago, encontra-se um cânion em meio as cordilheiras. Lembra que falei de destino de aventura, e que é acessível a todos, né? Então pense em um local onde tenha um conjunto muito legal de restaurantes, spa, uma vista maravilhosa e claro muita adrenalina.

Você pode optar por tomar uma trilha, alpinismo e rafting! Todos acompanhados de guia e dentro do que considera seus limites.   

CONCHA Y TORO

Um dos produtos mais conhecidos do Chile é o vinho, e uma das vinícolas mais procuradas é a Concha y Toro. O local abre todos os dias que conta com uma tradição longa desde o século XIX, e uma arquitetura incrível que conta com uma bela mansão e um lago.

Quem vem até aqui procura a adega de Melchor e seu armário do diabo! Não precisa muito para entender de onde vem o nome da vinícola, e que é seguida por uma lenda no mínimo, engraçada.

(Concha y Toro)

Como seus vinhos sumiam ele passou a espalhar a notícia de que o diabo em pessoa guardava a adega, e a partir daí os vinhos pararam de sumir. História engraçada, delicia de vinho e destino certo para quem vem a Santiago.

(Concha y Toro)
(Concha y Toro)

COMPRAS EM SANTIAGO

Me perguntaram há pouquíssimo tempo onde fazer compras em Santiago, então vou deixar uma dica muito bacana. O Chile é um país muito moderno e quando uma crise mundial aparece, o que se vê é um movimento sempre para frente.

Logo tudo aqui tem um custo mais alto do que os outros países da América do Sul, incluindo o próprio Brasil. Tome cuidado para não tomar sustos e sempre busque as melhores opções de onde comer, que podem te render um troco a mais para passeios e comprinhas.

Bem vamos lá, pois não sou de compras, mas alguns lugares me chamaram a atenção.

PASEO AHUMADA

Um passeio pelas ruas pode ser agradável para ver um pouco da arquitetura, o dia a dia dos locais, e aqui ainda pode-se encontrar uma variedade enorme de lojas de departamento, eletrônicos e esportes dos mais variados. Um dia de compras? Bem, se tiver mais de 4 dias na cidade aí sim, caso contrário seria bom focar na parte cultural já que lojinha a gente encontra por aqui também.

PUEBLITO LOS DOMINICOS

Para comprar artesanato, e produtos antigos (me lembra o comércio de Tiradentes), esse é o local certo. Então se você procura couro e peças antigas aqui é um bom lugar e a variedade é bem interessante. Como voce pode ver, pelo menos aqui podemos ver o que o turismo chama e mantem vivo, o que o local pode produzir!

Gostou das nossas dicas?

Vem com a gente,

Equipe Guias & Trilhas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: