Um espaço para países da EU ou associados poderem circular livremente sem grandes transtornos entre os países membros. Para que se entenda melhor é como se para os indivíduos desses países não existissem fronteiras, o que gera um corredor de turismo por exemplo como tem sido discutido pela comissão europeia, e o tratado de Schengen passa a ser um facilitador.

Criado em 1985, garante a livre circulação de pessoas e é assegurado pela EU e seus cidadãos. O indivíduo pode assim viajar, trabalhar e viver em qualquer país da EU sem grandes formalidades, e o tratado permite a circulação.

Para os países que ainda não ingressaram no tratado de Schengen os países têm que seguir as seguintes normas:

  • Assumir a responsabilidade de controlar as fronteiras externas em nome dos outros Estados Schengen e de emitir vistos Schengen uniformes
  • Cooperar de forma eficiente com as agências policiais de outros Estados Schengen, a fim de manter um alto nível de segurança após a abolição dos controles de fronteira entre os países Schengen.
  • Aplicar o conjunto comum de regras de Schengen (o chamado “acervo de Schengen”), como o controle das fronteiras terrestres, marítimas e aéreas (aeroportos), a emissão de vistos, a cooperação policial e a proteção de dados pessoais
  • Conectar e usar o SIS.

Para o turismo é de grande importância esse tratado para que os países possam ter o livre acesso de turistas de dentro da união europeia e fora dela também. O turismo é sem dúvida ferramenta importante para todas as economias e ter livre acesso e o corredor do turismo, mesmo com ressalvas e precauções, para a retomada nesse processo de reconstrução.

Países membros:

  • Alemanha
  • Áustria
  • Bélgica
  • Chéquia
  • Dinamarca
  • Eslováquia
  • Eslovénia
  • Espanha
  • Estónia
  • Finlândia
  • França
  • Grécia
  • Hungria
  • Islândia
  • Itália
  • Letónia
  • Liechtenstein
  • Lituânia
  • Luxemburgo
  • Malta
  • Noruega
  • Países Baixos
  • Polónia
  • Portugal
  • Suécia
  • Suíça

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: